terça-feira, 28 de março de 2017

SILAS MALAFAIA DIZ: NÃO SOU HEREGE. RESPOSTA DO BLOG.


Novamente o pastor Silas Malafaia volta a replicar aos seus críticos em seu programa de TV que há uma falsa acusação dele ser um herege. Está correto, é o seu direito de resposta. Todavia, quando ele fala neste novo vídeo postado num site de notícias AQUI que herege é todo aquele que nega as doutrinas fundamentais da Palavra, como a Trindade, Jesus como único e suficiente salvador, a inerrância da Bíblia e a salvação pela fé, e diz que nunca pregou contra essas coisas, ele olha apenas a grosso o modo o significado da palavra "herege". Pois quando fazemos uma exegese bíblica da passagem de Tito 3.10 não é bem isso que encontramos no texto. Numa tradução da Bíblia diz assim: “Evita o homem faccioso, depois de admoestá-lo primeira e segunda vez,” (Tito 3:10 ARA). A palavra "faccioso" é tradução do NT grego, onde no Textus Receptus aparece como "hairetikon". Ela vem do grego "hairetikos", que quer dizer: "1) preparado ou capaz de tomar ou escolher algo. 2) cismático, faccioso, seguidor de uma doutrina falsa. 3) herético". (Léxico de Strong). Observe que na definição 2 temos a frase "seguidor de uma doutrina falsa". Ora, a teologia da prosperidade é ou não uma doutrina falsa? Então não é herege somente quem questiona as doutrinas essenciais da fé cristã, onde algumas foram citadas por ele. Na definição 3 do referido léxico grego, temos a palavra "herético", que, segundo dicionário consultado aqui quer dizer: "Ref. ao que contém heresia". Onde o mesmo, sugere consultar "herege". Que, conforme consultado, quer dizer: "Pessoa que professa ou sustenta alguma heresia". Veja bem, vamos pontuar o que é uma heresia? Retirando do meu breve estudo em slides sobre heresiologia, temos:

1) HERESIA e SEITA procedem de uma mesma palavra grega “hairesis” Aparece nas passagens de: At.5.17; 15.5; 24.5; 24.14; 26.5; 28.22; 2Pe.2.1 e Gl.5.20. Traduzida para “seita”, “heresia” (aportuguesado), “grupo”, “facção” ou “partido” (dependendo das versões em português). Esta palavra significa: “Grupo de homens escolhendo seus próprios princípios (seita ou partido). Dissensões originadas da diversidade de opiniões e objetivos”. (léxico de Strong). Apesar de ser empregada ao próprio cristianismo pelos judeus da época nas narrativas de Atos dos Apóstolos. Essa palavra passou a ser vista pela igreja cristã como um ensino contrário, errado, diferente, não ortodoxo. Confira mais sobre isso em meu outro texto AQUI do blog.

2) Outra palavra grega relacionada ao assunto é “heterodidaskaleo”, quer dizer: Ensinar outra ou diferente doutrina, desviando-se da verdade (léxico de Strong). Ocorre em 1Tm.6.3,4; 1Tm.1.3.

3) A apologia cristã conclui que a palavra "heresia" é tudo aquilo que em matéria de fé, religião ou doutrina sustenta opiniões contrárias, deturpadas ou excedentes da Palavra de Deus (a Bíblia).

Assim, a teologia da prosperidade, assunto já muito batido em vários blogs e sites (1), vídeos do YouTube (2), por aqueles que Malafaia chama de "LINGUARUDOS, RECALCADOS E FRACOS NA FÉ", e refutada em vários livros (3), é uma heresia, e uma parte de tal teologia é pregada pelo pastor Silas Malafaia. E se ele prega algo relacionado a tal doutrina, diferente daquilo que aprendemos com o nosso Senhor Jesus sobre finanças e que são reiteradas por seu apóstolo Paulo e demais apóstolos (4). Ele se torna aquilo que definimos aqui da palavra "hairetikos". Sem falar na sua homilética psicológica, de auto-ajuda, antropocêntrica, com a pitada de hedonismo e narcisismo, que também são heresias.

FONTES DE REFUTAÇÃO A TEOLOGIA DA PROSPERIDADE:

(1)
(2)

(3) 
Fatos Sobre o Movimento da Fé - John Ankerberg e John Weldon
Super Crentes - Paulo Romeiro
Evangélicos em Crise - Paulo Romeiro
Decepcionados com a Graça - Paulo Romeiro
Cristianismo em Crise - Hank Hanegraaf
O Evangelho da Prosperidade - Alan B. Pieratt
Heresias e Modismos - Esequias Soares
Evangelhos que Paulo Jamais Pregaria - Ciro Sanches

(4)
Não acumuleis para vós outros tesouros sobre a terra, onde a traça e a ferrugem corroem e onde ladrões escavam e roubam; mas ajuntai para vós outros tesouros no céu, onde traça nem ferrugem corrói, e onde ladrões não escavam, nem roubam; porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração. São os olhos a lâmpada do corpo. Se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso; se, porém, os teus olhos forem maus, todo o teu corpo estará em trevas. Portanto, caso a luz que em ti há sejam trevas, que grandes trevas serão! Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de aborrecer-se de um e amar ao outro, ou se devotará a um e desprezará ao outro. Não podeis servir a Deus e às riquezas. Por isso, vos digo: não andeis ansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer ou beber; nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo, mais do que as vestes? Observai as aves do céu: não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros; contudo, vosso Pai celeste as sustenta. Porventura, não valeis vós muito mais do que as aves? Qual de vós, por ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado ao curso da sua vida? E por que andais ansiosos quanto ao vestuário? Considerai como crescem os lírios do campo: eles não trabalham, nem fiam. Eu, contudo, vos afirmo que nem Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles. Ora, se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, quanto mais a vós outros, homens de pequena fé? Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que comeremos? Que beberemos? Ou: Com que nos vestiremos? Porque os gentios é que procuram todas estas coisas; pois vosso Pai celeste sabe que necessitais de todas elas; buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal.” (Mateus 6:19-34 ARA).

“Disse-lhe Jesus: Se queres ser perfeito, vai, vende os teus bens, dá aos pobres e terás um tesouro no céu; depois, vem e segue-me. Tendo, porém, o jovem ouvido esta palavra, retirou-se triste, por ser dono de muitas propriedades. Então, disse Jesus a seus discípulos: Em verdade vos digo que um rico dificilmente entrará no reino dos céus. E ainda vos digo que é mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar um rico no reino de Deus.” (Mateus 19:21-24 ARA).

“altercações sem fim, por homens cuja mente é pervertida e privados da verdade, supondo que a piedade é fonte de lucro. De fato, grande fonte de lucro é a piedade com o contentamento. Porque nada temos trazido para o mundo, nem coisa alguma podemos levar dele. Tendo sustento e com que nos vestir, estejamos contentes. Ora, os que querem ficar ricos caem em tentação, e cilada, e em muitas concupiscências insensatas e perniciosas, as quais afogam os homens na ruína e perdição. Porque o amor do dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé e a si mesmos se atormentaram com muitas dores. Tu, porém, ó homem de Deus, foge destas coisas; antes, segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a constância, a mansidão.” (1 Timóteo 6:5-11 ARA).

“Amados, exorto-vos, como peregrinos e forasteiros que sois, a vos absterdes das paixões carnais, que fazem guerra contra a alma,” (1 Pedro 2:11 ARA).

“também, movidos por avareza, farão comércio de vós, com palavras fictícias; para eles o juízo lavrado há longo tempo não tarda, e a sua destruição não dorme.” (2 Pedro 2:3 ARA).

“Atendei, agora, vós que dizeis: Hoje ou amanhã, iremos para a cidade tal, e lá passaremos um ano, e negociaremos, e teremos lucros. Vós não sabeis o que sucederá amanhã. Que é a vossa vida? Sois, apenas, como neblina que aparece por instante e logo se dissipa. Em vez disso, devíeis dizer: Se o Senhor quiser, não só viveremos, como também faremos isto ou aquilo. Agora, entretanto, vos jactais das vossas arrogantes pretensões. Toda jactância semelhante a essa é maligna.” (Tiago 4:13-16 ARA).

“Atendei, agora, ricos, chorai lamentando, por causa das vossas desventuras, que vos sobrevirão. As vossas riquezas estão corruptas, e as vossas roupagens, comidas de traça; o vosso ouro e a vossa prata foram gastos de ferrugens, e a sua ferrugem há de ser por testemunho contra vós mesmos e há de devorar, como fogo, as vossas carnes. Tesouros acumulastes nos últimos dias. Eis que o salário dos trabalhadores que ceifaram os vossos campos e que por vós foi retido com fraude está clamando; e os clamores dos ceifeiros penetraram até aos ouvidos do Senhor dos Exércitos. Tendes vivido regaladamente sobre a terra; tendes vivido nos prazeres; tendes engordado o vosso coração, em dia de matança; tendes condenado e matado o justo, sem que ele vos faça resistência.” (Tiago 5:1-6 ARA).

“Então, disse Jesus a seus discípulos: Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me.” (Mateus 16:24 ARA).

“Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não se assenta primeiro para calcular a despesa e verificar se tem os meios para a concluir?” (Lucas 14:28 ARA).

“Meus irmãos, não tenhais a fé em nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor da glória, em acepção de pessoas. Se, portanto, entrar na vossa sinagoga algum homem com anéis de ouro nos dedos, em trajos de luxo, e entrar também algum pobre andrajoso, e tratardes com deferência o que tem os trajos de luxo e lhe disserdes: Tu, assenta-te aqui em lugar de honra; e disserdes ao pobre: Tu, fica ali em pé ou assenta-te aqui abaixo do estrado dos meus pés, não fizestes distinção entre vós mesmos e não vos tornastes juízes tomados de perversos pensamentos? Ouvi, meus amados irmãos. Não escolheu Deus os que para o mundo são pobres, para serem ricos em fé e herdeiros do reino que ele prometeu aos que o amam? Entretanto, vós outros menosprezastes o pobre. Não são os ricos que vos oprimem e não são eles que vos arrastam para tribunais? Não são eles os que blasfemam o bom nome que sobre vós foi invocado?” (Tiago 2:1-7 ARA).

“Porque a mim me parece que Deus nos pôs a nós, os apóstolos, em último lugar, como se fôssemos condenados à morte; porque nos tornamos espetáculo ao mundo, tanto a anjos, como a homens. Nós somos loucos por causa de Cristo, e vós, sábios em Cristo; nós, fracos, e vós, fortes; vós, nobres, e nós, desprezíveis. Até à presente hora, sofremos fome, e sede, e nudez; e somos esbofeteados, e não temos morada certa, e nos afadigamos, trabalhando com as nossas próprias mãos. Quando somos injuriados, bendizemos; quando perseguidos, suportamos; quando caluniados, procuramos conciliação; até agora, temos chegado a ser considerados lixo do mundo, escória de todos. Não vos escrevo estas coisas para vos envergonhar; pelo contrário, para vos admoestar como a filhos meus amados. Porque, ainda que tivésseis milhares de preceptores em Cristo, não teríeis, contudo, muitos pais; pois eu, pelo evangelho, vos gerei em Cristo Jesus. Admoesto-vos, portanto, a que sejais meus imitadores.” (1 Coríntios 4:9-16 ARA).

“São ministros de Cristo? (Falo como fora de mim.) Eu ainda mais: em trabalhos, muito mais; muito mais em prisões; em açoites, sem medida; em perigos de morte, muitas vezes. Cinco vezes recebi dos judeus uma quarentena de açoites menos um; fui três vezes fustigado com varas; uma vez, apedrejado; em naufrágio, três vezes; uma noite e um dia passei na voragem do mar; em jornadas, muitas vezes; em perigos de rios, em perigos de salteadores, em perigos entre patrícios, em perigos entre gentios, em perigos na cidade, em perigos no deserto, em perigos no mar, em perigos entre falsos irmãos; em trabalhos e fadigas, em vigílias, muitas vezes; em fome e sede, em jejuns, muitas vezes; em frio e nudez. Além das coisas exteriores, há o que pesa sobre mim diariamente, a preocupação com todas as igrejas. Quem enfraquece, que também eu não enfraqueça? Quem se escandaliza, que eu não me inflame? Se tenho de gloriar-me, gloriar-me-ei no que diz respeito à minha fraqueza.” (2 Coríntios 11:23-30 ARA).

“Também soldados lhe perguntaram: E nós, que faremos? E ele lhes disse: A ninguém maltrateis, não deis denúncia falsa e contentai-vos com o vosso soldo.” (Lucas 3:14 ARA).

“Digo isto, não por causa da pobreza, porque aprendi a viver contente em toda e qualquer situação. Tanto sei estar humilhado como também ser honrado; de tudo e em todas as circunstâncias, já tenho experiência, tanto de fartura como de fome; assim de abundância como de escassez; tudo posso naquele que me fortalece.” (Filipenses 4:11-13 ARA).

“Seja a vossa vida sem avareza. Contentai-vos com as coisas que tendes; porque ele tem dito: De maneira alguma te deixarei, nunca jamais te abandonarei. Assim, afirmemos confiantemente: O Senhor é o meu auxílio, não temerei; que me poderá fazer o homem? Lembrai-vos dos vossos guias, os quais vos pregaram a palavra de Deus; e, considerando atentamente o fim da sua vida, imitai a fé que tiveram.” (Hebreus 13:5-7 RA).

“De onde procedem guerras e contendas que há entre vós? De onde, senão dos prazeres que militam na vossa carne? Cobiçais e nada tendes; matais, e invejais, e nada podeis obter; viveis a lutar e a fazer guerras. Nada tendes, porque não pedis; pedis e não recebeis, porque pedis mal, para esbanjardes em vossos prazeres. Infiéis, não compreendeis que a amizade do mundo é inimiga de Deus? Aquele, pois, que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus.” (Tiago 4:1-4 ARA).


Dúvidas e esclarecimentos escreva para: web-assessoria@bol.com.br
Direito de resposta: coloque abaixo seu comentário e aguarde a liberação do moderador do blog.

Um comentário:

Marcos disse...

Estão forçando demais!!!